4 de abr de 2008

Canção da Estrela Murmurante




Esta poesia vale a pena ser repetida...


(Lya Luft)


Nós nos amaremos docemente,

nesta luz,neste encanto,neste medo:

nós nos amaremos livremente

no dia marcado pelos deuses.



Nós nos amaremos com verdade

porque estas almas já se conheciam:

nós nos amaremos para sempre

além da concreta felicidade.



Nós nos amaremos lindamente,

nós nos amaremos como poucos,

nós nos amaremos

no seu tempo.

" A delicadeza é um dos componentes do afeto verdadeiro:saber esperar o lugar, a hora, a limitação do outro.Observar enquanto se constrói a ponte entre ele e a sua própria possibilidade de chegar."


Comentário de Lya complementando o poema acima,em seu livro Secreta Mirada e outros poemas.


Um pequeno adendo sobre a foto acima:é uma foto artística,apesar de um casal nu,numa pose q pode ser considerada apelativa,mas para mim foi como se casasse com a poesia,um encontro de almas,enfim livres...do tempo,de pudor,de malícia...só amor.

Um comentário:

José Rodrigues (JR.) disse...

o amor não é um verbo que se conjugue com facilidade, na verdade, pouco importa os verbos e suas conjugações, o amor é aquilo que os afeta e ao mesmo tempo aquilo que nos escapa, como o vento, sempre que tentamos inutilmente aguarra-lo. O amor não é um objeto, por isso não se poder ter um amor, no máximo, podemos viver um amor; navegar nas intensidades de um sentimento de tão emblemático e vasto que é, mais parecer ser uma tempestade de sentimentos.
o que eu me pergunto é qual o lugar que o amor ocupa hoje em nossa sociedade, tão individualista e desigual; tão indiferente e calculista. claro que ainda há amor, mas me pergunto sobre se sabemos de fato amar ou, pelo contrário, usamos uns aos outros para obter prazer e, também, o medo da solidão. Mas não sou um teórico do amor, longe mim filosofar sobre o assunto, nem sou capaz disso. são apenas linhas, sentimentos, palavras.
como também tenho um blog onde publico minhas poesias, chamado de Experimentando Versos, deixo aqui o convite para voce, se puder, fazer uma visita:
http://experimentandoversos.blogspot.com

um abraço,