19 de mai de 2009

Tela -Mary Cassat


Deixo-te ir(quando te quero)

e espero

que o doce despertar da madrugada

leve embora

o gosto amargo da demora.


Pati K
maio/2009

Nenhum comentário: