9 de mar de 2008

Dê-me tua mão agora


Rivkah Cohen

Não é amanhã
quando tiver tempo,
não é daqui a pouco
quando talvez nem alcance mais...
Preciso dela agora!
Agora que meu coração chora
e não estou me sentindo capaz!

Um comentário:

Mag disse...

Vim te dá boa noite e deixar meu beijo carinhoso. Parabens pelas mensagens belissimas, li todas, a de Arnaldo Jabor é tudo na vida, ele sabe dá valor a uma mulher!

Bjusss